Veredito

como eu previa, fui a errada.apenas por dizer: eu conheço o seu jeitinho de vítima; acho que piorei a situação (se é que tinha alguma coisa ruim).

na cabeça dela, eu estava estranha, ignorante.na minha mente, havia uma felicidade grande demais na vida dela. algo não estava bem.

vamos lá: de um dia pro outro eu fiquei estranha. tem certeza? olha pro seu nariz, por favor.

depois de dias de incertezas, depois de ter a certeza de que vai embora, depois de começar as férias, ela vem me cobrar.

vem me perguntar o porque que eu to estranha (é, realmente, ela não olhou pro nariz).
respondo com a maior sinceridade do mundo. eu, em mais um ataque sincero, disse tudo que estava entalado, tudo o que eu precisava dizer, de verdade.

eu disse que ela estava estranha, depois de muitas coisas que aconteceram (não vem ao caso agora), e que, agora, qualquer coisa que eu dissesse a ela, iria atingi-lá. mas ela sabe mais do que ninguém que eu não consigo guardar as coisas, e falo mesmo. só que durante muito tempo, eu só escutei e nunca disse nada. mas eu cresci, menina. e agora consigo dizer o que penso.

só que eu acho que ela não percebeu essa tal mudança minha (há algum tempo atrás, eu disse no fotolog que mudanças podem atingir alguém. parecia que estava prevendo algo MEDO). não disse nada, apenas respondia verdadeiramente o que me vinha ela perguntar. FUI ERRADA

é por isso que quando eu falo, eu sou errada, eu tenho culpa. como sempre, eu digo gente: é melhor calar a boca.

tudo o que eu falava agora não fazia a menor importância pra ela, que ficava indiferente.

O QUE ACONTECEU?
apenas me rendi à indiferença dela.

Visões finais:
  • Não, o sentimento não acabou.
  • Espero um ''fim final'' mesmo. Ou talvez este seja o fim HA
  • Não me arrependo de nada que falei hoje
  • E também de nada que falei durante todos esses longos três anos de ''amizade''. (se é que aquilo era amizade)
  • Pode me condenar à vontade. Pode dizer que eu errei, que sou ignorante, que só olho pra mim. Mas a verdade é essa e pronto.
  • Não há o que discutir: simples atos podem mudar muita coisa.
  • Veredito tem também um sentido literal: Ver e dizer. Foi o que eu fiz, foi o que aconteceu.

Beijos pra vocês.

And I still love all yours.

Sonhos

Os sonhos são, maioria das vezes, tudo aquilo que é impossível, ou que está muito longe das nossas possibilidades. Eu diria que os sonhos são mais do que isso. Sonhar é como compensar tudo o que não temos na vida. Seria como realizar o que ainda não foi feito.
Mas, algumas vezes, a realização do sonho pode estar mais perto do que imaginamos. Tão perto, que acabam se tornando pesadelos reais.
Sonhar... sonhar... sonhar. Vamos sonhar porque é grátis. Vamos sonhar para sermos felizes! Vamos sonhar para desejar coisas estranhas, para querer o não poder, para ser o desejo do outro.
Há sonhos tão complexos, que parecem alucinógenos. Mas também temos sonhos tão simples e sublimes, que parecem um conto de fadas... ou um ''conto de farsas''.
è... não é fácil sonhar!
Eu sou muito sonhadora. E são estes sonhos que saciam a minha vontade de ser, ter e querer. Querer a mim, ao outro, a todos e a tudo.
E é por isso que eu digo:
"Siga seus sonhos e seu coração, pois o segredo da felicidade está aí. Seguir e fazer o que vem de dentro de ti".

http://twitter.com/beeshopana