Sonhador.

A vida é uma caixinha de surpresas mesmo! Mas devo acrescentar que são surpresas extremamente desagradáveis. E eu já tentei de tudo. Já quis escrever pra melhorar a dor, até poetisa eu quis ser. Em vão.

Em vão são todas as minhas tentativas de melhorar. São também vãs as minhas angústias, que talvez por serem só minhas acabam me deixando egoísta demais. Eu só sei pensar em mim, esse deve ser o problema. Sei que meu problema também é não deixar transparecer. Tudo. Não gosto que me vejam triste, tampouco magoada. E isso me faz mal, muito mal. Uma aproximação, ou uma palavra amiga me parecem bombas em pleno ataque. Não aceito opiniões, e talvez isso justifique minha situação.

Ainda há esperanças pra mim e não as deixarei escapar. Não me deixarei escapar.

E assim acaba um ciclo.